Vale a pena impulsionar posts?

Impulsionar um post é mais do que um anúncio pago nas redes sociais, é uma estratégia poderosa para seu conteúdo, promoções e posts alcançarem mais pessoas do que você imagina.

No cenário atual, quando investimos de forma consciente e estratégica, até mesmo um espaço na Internet e redes sociais pode ser conquistado com uma presença digital maior, que alcance mais clientes.

Ficou curioso? Acompanhe a leitura a seguir!

Neste artigo você, você vai saber mais sobre:

  • Qual a principal vantagem do impulsionamento?
  • Qual o objetivo do impulsionamento?
  • Curtidas é o que te move?
  • Como direcionar meu conteúdo?
  • Facebook, Instagram, LinkedIn: em qual investir?
  • Quanto investir?

Qual a principal vantagem de impulsionar os posts?

A principal vantagem de impulsionar os posts, em comparação a um anúncio tradicional, é que eles aparecem naturalmente no feed das pessoas como um conteúdo relevante, transmitindo maior credibilidade ao seu negócio e demonstrando autoridade sobre o tema.

As redes sociais são empresas privadas e que vivem de lucro, então, se por um lado elas oferecem serviços gratuitos para os usuários, por outro lado elas necessitam de recursos financeiros para manter esses serviços. Logo, é extremamente importante lembrar você que, apostar todas as suas fichas no alcance orgânico de um conteúdo, ou seja, sem impulsioná-lo, é o mesmo que fazer um belo discurso em um quarto fechado.

Qual o objetivo do impulsionamento?

Engana-se quem pensa que impulsionamento visa apenas vender um produto. Como dissemos anteriormente, há uma diferença entre impulsionar uma publicação e fazer um anúncio tradicional.

Para decidir se vale a pena impulsionar você precisa focar, inicialmente, no conteúdo.

Responda à seguinte questão: qual mensagem aquele conteúdo quer passar para meu cliente?

O objetivo das redes sociais é o relacionamento com seu cliente através de conteúdos relevantes e que geram engajamento.

Exemplos de como potencializar o crescimento do seu Instagram.

Quando você apenas tenta vender seu produto, afasta o cliente da sua marca. As técnicas do Inbound Marketing são feitas para atrair olhares para o seu produto de forma natural, sem “forçar a barra”.

Portanto, antes de impulsionar você deve criar um conteúdo relevante e atrativo, que “chame” as pessoas a conhecer seu negócio e crie esse primeiro interesse por sua marca.
Quanto mais o potencial cliente se sentir próximo da sua empresa, maiores as chances de converter isso em venda.

Curtidas é o que te move?

Se a quantidade de curtidas e seguidores é o que te move, talvez esteja explicado porque você está cansado e desacreditado no poder da Internet.

Esqueça as curtidas e os números de seguidores.

As análises das redes sociais não podem ser baseadas apenas nos likes que sua publicação recebe, existem fatores muito mais relevantes nas redes sociais para medir a taxa de conversão de uma publicação.

O dia a dia das pessoas faz com que o tempo seja algo precioso, então, não parar para curtir um post não significa que aquela publicação não tenha chamado a atenção do seu possível cliente. Por isso é importante investir em conteúdo de qualidade e atrativo.
O sucesso de um anúncio não se mede em curtidas, e sim em quanto ele se converteu em potenciais clientes por meio de cliques, acesso ao site, mensagens diretas, busca por informações de seus serviços, entre outros.

Como direcionar meu conteúdo?

Uma das vantagem do impulsionamento é escolher seu público-alvo.

As redes sociais armazenam dados de perfil de seus usuários, conhecendo suas preferências, principais interesses, além de informações básicas como idade, gênero, localização entre outros.

Ao impulsionar um post você consegue ter acesso a essas informações e definir previamente as pessoas que irão visualizá-lo.
Isso agiliza o contato com seu público e otimiza seus custos, pois mesmo com um valor pequeno, é possível atingir pessoas mais propensas a se interessar pelo seu conteúdo.

Facebook, Instagram, LinkedIn: em qual investir?

Acredito que a pergunta do título deste artigo já esteja respondida: vale a pena impulsionar posts? Claro que sim. 

Agora, precisamos saber onde e como fazer esse impulsionamento.

Primeiramente, é preciso entender que Facebook, Instagram e LinkedIn e demais redes sociais não são redes concorrentes, mas sim meios que se complementam. Cada um tem um objetivo diferente e, em geral, um público diferente que, consequentemente, curte conteúdos distintos.

Facebook

O Facebook é uma rede social mais heterogênea, tanto em público quanto em formato de conteúdo. Ele permite publicações em diversos tipos de mídia – vídeo, imagens, links, animações – e também somente textos. Permite compartilhamento e reações diversas.
Além disso, é importante entender a diferença entre perfil pessoal e página (fanpage). Não existe “perfil de empresa” e não tente criar um com a intenção de atrair mais contatos. Empresas e negócios devem se concentrar em fanpages, sendo este o canal de comunicação do fornecedor com seus contatos e por onde é possível analisar as métricas.

Instagram

Instagram é praticamente todo visual. O conteúdo deve estar focado em ações do cotidiano e na imagem, e o texto é apenas um complemento ou legenda.
Embora visualmente não haja diferença, o Instagram difere perfis pessoais de profissionais. A este segundo, oferece mais recursos de avaliação de resultados e impulsionamento. Inclusive, ao turbinar uma publicação no Instagram é possível incluir links e botões.

Vale a pena impulsionar posts linkedin

LinkedIn

O LinkedIn, por sua vez, é uma rede social voltada para relacionamentos profissionais. Seus principais objetivos são: manter uma lista de contatos, encontrar pessoas por meio de contatos das pessoas que você conhece, encontrar oportunidades de trabalho, entre outros.

O conteúdo é gerado por meio de artigos e pode ser distribuído e compartilhado para contatos ou grupos, gerando conteúdo relevante, que aumenta a distribuição orgânica para outros usuários da rede.

Quanto investir?

A principal vantagem do impulsionamento é permitir que empresas de pequeno porte possam atingir um maior público com investimentos iniciais baixos.

Com menos de R$10,00 por dia já é possível aumentar o alcance de sua marca. Através de um montante pequeno já é possível mensurar o retorno dos anúncios e definir novas estratégias e investimentos.

É importante destacar que o retorno obtido por seu negócio não é, necessariamente, diretamente proporcional ao valor investido. Existe uma série de fatores que influenciam na conversão em vendas, como: tipo de conteúdo, abordagem, post condizente com o produto ou serviço oferecido, forma de atendimento, valor agregado do serviço entre outros.

Ou seja, atrair leads não significa tê-los como clientes, mas a partir do momento que alguém chega ao seu site, curte sua página, manda uma mensagem ou baixa seu material, inicia-se uma nova etapa de relacionamento e o seu lucro vai depender disso.

Ei! Você precisa comprar uma conta no instagram ou em outra plataforma como tiktok, youyube, twitter e outras, da uma olhada na nossa loja.

O Mercado de Contas e um site estilo E-ccomerce Voltado para venda de contas de todo tipo! Nosso site visa passar segurança para quem compra agindo como intermediador de toda a transação. Tá esperando o que ? corre logo na nossa loja e da uma conferida.

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR NOSSA LOJA

Compartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp